segunda-feira, 30 de abril de 2012

Momento Granulokine

Foi isso: bastou eu achar que estava ótima, radiante e feliz para a vida me dar outra surpresinha, nada agradável por sinal. Na postagem anterior, falei que tinha dado tudo certo, comemorei a chegada das minhas férias e, também, o fato de não ter tido mucosite nas semanas passadas, cujos dias foram super propensos para isso acontecer. Mais uma vez, achei que estava abalando... ledo engano.
Na terça, fui para minha consulta de rotina. Uma semana depois da Doxorrubicina e da Carboplatinha, tenho que ir lá dar uma conferida nas repercussões dessas drogas sobre minha medula. Não é novidade tudo estar baixo: séries vermelha e branca, juntamente com plaquetas. Contudo, durante esses 5 meses de tratamento, nunca precisei de transfusão de sangue e plaquetas, nunca fiquei internada por quadros de neutropenia febril, nunca minha medula me deixou na mão... ela sempre se "virou nos 30" e me poupou de todos esses infortúnios. Confesso que já tinha me acostumado com tanta gentileza e bondade do meu organismo...
Mas, dessa vez, mesmo não estando tãããooo neutropênica assim, resolveram me presentear com algumas doses de Granulokine (Filgrastim [G-CSF]) Para quem não sabe o que é, explico: é um medicamento indicado para redução na duração da neutropenia e incidência da neutropenia febril nos pacientes tratados com  quimioterapia citotóxica estabelecida. Leigamente falando, aumenta a contagem de leucócitos, nossas células de defesa.
Até aí, tudo bem. Eu mal podia imaginar que o pior ainda estava por vir... Fui tomar minha primeira dose de Granulokine, cheia de pose e já começando a gostar do fato de ter um 100000 de leucócitos em poucos dias, sem esforço algum (sonha). Juliana e Michele, minhas queridas enfermeiras, me falaram que a apliacação era um pouco dolorosa, mas para quem está acostumada a levar incontáveis picadas, isso é fichinha.
Resolvi mostrar para vocês uma postagem incrível, da minha amiga Marina de Loureiro Maior, dona de um blog sensacional, cheio de bom humor e reflexões (http://ninameninadepeito.blogspot.com.br/). Vale a pena conhecer. A Má soube traduzir como ninguém as incríveis sensações que sentimos ao tomar Filgrastim.
Vejam só...

Receita de como se sentir como quem tomou Gralunokine:

1 - Passe um rolo compressor por cima de você. E dê ré!



2 - Vá para uma prensa!

3 - Achando pouco, corra para um multiprocessador!


4 - Ahhh, que bobeira, você ainda está inteira. Que tal mais uns 5 minutinhos num pilão?


5 - Como depois disso tudo, minha criatividade acabou... Que tal só mais uma passadinha rápida pela máquina de macarrão?


6 - Ah, mentira! Você ainda consegue andar! Para ficar "totalmente trabalhada" no Granulokine, nada como mais uns 10 minutos com um rolinho de massa "plus" um martelinho de carne!






Pronto! C´est fini! Você já pode praticar inclusive a dança do robozinho ou dos bonecos de Olinda! Como preferir!
Mas tudo nessa vida passa... E logo, logo estamos bem de novo! E prontas para outra!



Bom humor é essencial, não é? kkkkkkk... Obrigada, Má, pela colaboração! Depois que passa, resta lembrar disso tudo rindo muito. Como sobrevivi? Ainda não sei. Fato é que estou aqui: quebrada, mas vivinha... hahahahahaha!
Bom feriado a todos. São Paulo está gelada e chuvosa... coisa boa para quem, ainda, não pode quebrar todas... hehehe!

Bjo, bjo, bjo.

6 comentários:

  1. Reeee!!!! É duro, né? Mas é para o nosso bem!!! Eu lembro que sentia dor em cada ossinho com medula vermelha. Se eu esquecesse qual osso tinha medulinha, ele mesmo fazia questão de me lembrar, latejando. Doi tudo, para respirar, andar, piscar... Mas, passa!!!! Passa mesmo!!! Tô aqui na torcida!!! Muitos beijos! P.S. to te esperando no Rio!

    ResponderExcluir
  2. É Renata, eu nunca tomei, mas dizem que doi mesmo. Espero que seus leucócitos aumentem e vc não precise tomar mais. Força e ótimo fim de feriado! Bjss

    ResponderExcluir
  3. Melhoras pra vc, Renatinha!! bjo

    ResponderExcluir
  4. Renata,

    Vc tem o dom de transformar algo que normalmente nos faria chorar e lamentar em algo de tão alto humor. Isto só no ensina o quanto é grande e forte e poderosa para ser resiliente e dar um grande exemplo a tantos que reclamam de nada. Não sei se te serve de consolo, mas temos um amigo lindo, maravilhoso, amoroso que nos ensina através de sua Palavra verdadeira que não nos faz passar por nada que não podemos suportar. E ele permitiu pq sabia que vc não é valente. Em Salmo 126 e 5 e 6 diz: "Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria.
    Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos(alusão a fartura em sua colheita.
    Estarei sempre por perto.
    Margarete Mota - Gestão de Cursos
    Secretaria Geral - Unimontes

    ResponderExcluir
  5. Essa Granulokine é coisa do outro mundo mesmo kkkkkk.Nas duas quimios,tomei tres dias seguidos,na terceira quimio,o medico aumentou pra 5 aplicações.Realmente a gente fica como se tivesse passado pelo rolo compressor e tudo o que está em desenho a cima sem exagero.Consegui ficar em pé, uma semana após as aplicações,abraços Geisa.

    ResponderExcluir
  6. A OncoExpress é uma empresa que comercializa medicamentos especiais que tem como conceito a excelência na prestação de serviço com dedicação, agilidade, segurança e qualidade.

    Com o objetivo de facilitar a aquisição de medicamentos especiais, a OncoExpress cumpre o papel de ser uma peça fundamental no tratamento, atendendo a necessidade da Classe Médica, que é a garantia da qualidade de vida para seus pacientes.

    Atendemos todo o território nacional, dispensando e entregando nos locais onde nossos clientes desejam receber. Nosso estoque é climatizado, seguindo as normas de boas práticas de armazenamento e acondicionamento, garantindo a qualidade dos produtos que comercializamos.

    Comprar agora ficou mais fácil! Ligue e faça seu orçamento sem compromisso!

    Nosso horário de funcionamento é de 2ª a 6ª feira das 8:00 hs às 18:00 hs e nossa central de telemarketing estará prontamente disponível para receber sua ligação.

    CONTATOS PELO TELEFONE

    (11) 3569-9648

    e-mail: vendas@oncoexpress.com.br

    ResponderExcluir