domingo, 3 de fevereiro de 2013

Conheça São Paulo (Parte I)

São Paulo é uma cidade como nenhuma outra. Antenada, vanguardista, geradora de tendências, estilos e cultura. Falar dela é ter a obrigação de usar tudo no superlativo. Olhando para seus prédios mil e para o trânsito caótico, consegue-se ter noção de um pouquinho da sua dimensão para o país. 
Assim que decidimos que meu tratamento seria feito em São Paulo, não tive a menor dúvida de que estaria no melhor local naquele momento. É, de fato, o lugar em que se tem a impressão (e certeza) de que tudo chega primeiro. Mas hoje não quero falar das maravilhas da medicina paulista, e sim de como andei me divertindo. Em praticamente todo o período da quimioterapia, não tive problemas em sair de casa e, por isso, sempre que podia, rolava um passeio. Programas culturais e gastronômicos fizeram minha alegria. Vou falar dos lugares que mais gostei de conhecer e que super recomendo.


Museu do Ipiranga: é um dos ícones da cidade de São Paulo e sua importância é marcada tanto pela imponência da arquitetura quanto pelo significado histórico que possui. Entre mobiliários, trajes, utensílios e obras de arte, encontramos também coleções de armas, biblioteca e uma sala dedicada a Santos Dumond, pioneiro da aviação. Ao redor do prédio, um grande e belíssimo jardim.






Museu da Língua Portuguesa e Estação da Luz: este lugar proporciona uma viagem sensorial e subjetiva pela língua portuguesa, a sexta mais falada no mundo. Guiada por palavras, autores e estrelas do Brasil, conhecer esse museu, ainda mais na exposição do Jorge Amado, foi muito bom. Instalado no prédio acima da plataforma de trens da Estação da Luz, proporciona momentos únicos.







Mercado Municipal: visita obrigatória para turistas brasileiros e de todo o mundo, é um dos principais pontos gourmet da cidade. Um lugar agradabilíssimo, com pessoas incríveis que te oferecem degustação de frutas as mais variadas possíveis a cada esquina. Queijos, carne, peixe, ervas e especiarias exóticas e o tradicional sanduíche de mortadela (2563982651 camadas de mortadela e infinitas calorias, mas muitoo bom... hahaha). O mercadão também conta com uma área de restaurantes e lanchonetes, localizada na parte superior do espaço, de onde se come bem e observam-se os lindos vitrais executados pelo artista russo Conrado Sorgenicht. Arquitetura incrível de Ramos de Azevedo, é prazerosa uma visita nesse lugar. 













Bairro da Liberdade: conhecido como o maior reduto da comunidade japonesa em São Paulo, é um lugar lindo e colorido, guardando muito da tradição oriental através das festas típicas. Sempre tive vontade de conhecer, pois a fama de imensa opção de produtos de beleza é velha por aqui. A famosa Ikesaki possui vários andares e deixa qualquer mulher louca pela quantidade de coisinhas desejo e preços bem camaradas. Buy best: o melhor lugar para comprar esmaltes é na Ike (íntima mesmo). Ludovicos é super conhecida pela variedade de cílios postiços (alô meninas que perderam os cílios por causa da quimio: agora vocês podem voltar a piscar como divas... hahaha).  Audrey é uma loja que tem muitas coisas legais, inclusive aquelas mais difíceis de encontrar no Brasil, como Mavala, Conair, Talika, Prestige... todas essas marcas preenchendo várias prateleiras. Quem gosta da cultura oriental e é apaixonado pelas embalagens super coloridas e exóticas, vai amar a Marukai, supermercado de comidas e bebidas típicas. Enfim, é um mundo à parte mesmo.











Parque do Ibirapuera: mais importante parque urbano de São Paulo, é um excelente lugar para passear, tendo atrações para todos os tipos de público. Sua infraestrutura oferece campo de futebol de saibro, pista de corrida, playgrounds, quadras poliesportivas, aluguel de bicicletas, lanchonete e restaurante. Abriga a Fundação Bienal, o Museu Afro Brasil, o Museu de Arte Moderna (MAM) e a OCA, que é um palco de mostras temporárias. Amava dar uma volta por lá, principalmente com Cleo e Alvinho (saudade!). Nos fins de semana, o movimento é grande, mas em nada prejudica um delicioso passeio verde em meio à poluição de São Paulo.











Gostaram? Imenso, não é, people? Para não ficar mega cansativo, vou dividir. Em breve, mais dicas de lugares lindos e gostosos.

Bjo, bjo, bjo.

7 comentários:

  1. Renata, amei o post!!!Nasci nessa cidade, mas acho que só dessa última vez que fui como turista,fui na Liberdade, o mercadão é unanimidade né? Eu amoooo... No Ibirapuera tem o planetário para os fãs de astronomia, fui quando criança...Ainda fui na galeria do Rock, na feirinha de antiguidades da praça Benedito Calixto ( uma graça!!), fui no prédio do Santander para fazer uma foto panorâmica, no mosteiro São Bento ( onde comi o pão de mel...kkk)E ainda nos levaram em Embu das Artes, onde tem uma feirinha de domingo que é uma perdição para quem gosta de decoração!!! Estou ansiosa já para ver o segundo post!!!bjinhos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São Paulo é incrível mesmo... mta opção para tudo e todos os gostos. Amei morar nessa cidade, mas deixei de conhecer mta coisa tb! Já me falaram da feirinha em Embu das Artes, mas n tive a oportunidade de conhecer (ainda)... hahahaha! Quero dicas suas tb...
      Bjooos.

      Excluir
  2. Só mais uma observação: Quanta elegância hein amiga!!! Amei seus looks!! O que é aquele vestido de borboletas!!! um dos mais lindos que já vi :-)
    bjo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaa... hahahaha! Tb gosto do vestido de borboletas!

      Excluir
  3. Respostas
    1. Prazer te ter aqui, Fábio! Seja bem-vindo! Bjo.

      Excluir
  4. Aaaah, que saudade do mercado! Daquelas frutas maravilhosas. E o pastel? Huuum...
    Ótima recomendação, Rê!
    Tô amando as suas descriçoes de Sampa. MiL beijinhos!

    ResponderExcluir